Somos assim: somos o que pensamos, o que sentimos...e somos acima de tudo, aquilo em que acreditamos!
Nossos ídolos são nossos espelhos...refletem nossa alma, e nos levam ao encontro de nossos desejos, nossos sonhos, nossas fantasias, nosso eu mais profundo...e nos tornam muitas vezes mais fortes, porque acreditamos neles!
Somos assim: sedentos por nos apaixonar, por acreditar, por nos sentir vivos...e é isso que nos torna seres tão incrivelmente sedutores e apaixonantes!

domingo, 29 de abril de 2007


Há de chegar...
Há de chegar o dia, em que não seja preciso mais do que uma palavra amiga, pra´me fazer compreender, o quão vital é estar e sentir-se viva!
Há de chegar o dia, em que ser amigo, seja não apenas um condição, uma definição, mas uma afirmação da beleza que existe em tal sentimento!
Há de chegar um dia, em que crer na amizade, seja possível, seja seguro, e seja, principalmente, a redenção necessária para nossas fraquezas e imperfeições!
Há de chegar o dia, em que chamar alguém de "amigo", não signifique apenas um número, um título, mas sim, o crescimento e o aprimoramento do Ser, signifique somar e não dividir, signifique ganhar e não perder, signifique prazer e não dor, signifique apenas tornar mais belas suas manhãs, pela graça de ter ganho um presente...um amigo verdadeiro, é um presente divino!
Pena, que o que é divino, nem sempre seja compreendido, por quem é humano, e portanto, imperfeito!
Há de chegar um dia, em que ser amigo virtual, não signifique apenas algo irreal, e distante, mas sim, virtual, no sentido de "virtude", algo que apesar de distante, seja bom, seja positivo, seja real, verdadeiro!
Há de chegar o dia, em que a dor de se perder um amigo, seja por morte, ou traição, sirva de lição, para que se cultive mais o hábito de falar, de olhar nos olhos, de confiar, de ser leal, de ser real, mesmo que à distância...pois não é preciso estar frente a frente para se olhar nos olhos, o verdadeiro amigo, vê seus olhos, através do seu coração!
Há de chegar o dia, em que a Arte, toque o coração das pessoas, e mostre a elas, que não é preciso compreender como ela acontece, nem estar diante dela, para saber que ela é a expressão real de um sentimento, e que foi preciso pureza de alma, para que ela existisse...a amizade é assim, é como uma obra de arte...é preciso pureza de alma pra´compreender esse sentimento, é preciso saber entendê-lo e respeitá-lo, como talvez a única coisa que reste à um ser cansado das durezas e dores do mundo!
Há de chegar um dia, em que as pessoas compreendam, quão divino é ter um amigo, e ser amigo, e que se faz necessário, saber cuidar e preservar esse dom...e nesse dia, por mais que tarde a chegar, e mesmo que eu não esteja mais por aqui, serei plenamente feliz, e voltarei a acreditar na criação de Deus!

4 comentários:

carol disse...

Opa!
Que bom que gostou do meu blog.
Fico feliz que tenha gostado.
Mas acho que vc pegou o bonde andando... mas comtoda certeza é bem mais fácil ouvir um lado só e tirar as conclusões das quais sejam melhores.

carol disse...

Mas vc não tem habito de escrever né? só posta textos prontos?
Cultive o hábito de escrever textos próprios, alivia a alma e reduz problemas de relacionamento com si próprio, passamos a nos conhecer mais.
Mas sair da internet, trabalhar, faz bem também, tira ociosidade.
Experimente.
Abraços

Zero disse...

Há de chegar o dia em que os sentimentos serão vslorizados e não banalizados, principalmente neste mundo virtual por vezes tão podre. Há de chegar o dia em que o mundo virtual terá amigos plenos, que se transformaram em amigos reais, como já aconteceu entre eu e minha linda amiga Monica e creio que ai então teremos um mundo melhor, porque a amizade pura e sincera, sairá do virtual e se transformará numa realidade infinita. Há de chegar o dia em que a sinceridade será uma realidade em todos os sentidos e aí então nos amaremos de verdade. Beijos Monica minha linda..
De seu eterno amigo real, Zérô!

Taty disse...

Monkinha.. o que seria de nós sem os amigos?
Sejam eles reais, virtuais,imaginários...
:O)

Beijocas

Taty